terça-feira, 31 de maio de 2011

Facibooki

Sei que há muita gente que é contra estas modernices da Internet, dos twitters, dos facebooks... sobretudo o meu avô. Mas digo-vos já, que o facebook  é, muitas vezes, a única forma de me assegurar que pessoa X não morreu...



Inté*

5 comentários:

Nawita disse...

:)

pois, é verdade, tenho muitos amigos e família espalhados mundo fora, os mails e o facebook para partilhar coisas e falarmos todos juntos, é óptimo.
claro que podendo, não desperdiçamos os encontros in loco.

o problema são os "amigos" virtuais, as pessoas, sobretudo as mais jovens, começam a ter uma ideia incorrecta sobre o que quer dizer amizade, como a merecer e a quem a dar.

Estudante disse...

Concordo contigo :) tudo tem o seu reverso da medalha. O uso que fazemos das coisas é que faz delas boas ou más.

João Pedro disse...

Todos as pessoas com mais de 65 anos deviam ser obrigadas a ter facebook e a actualizar diariamente o seu estado, só para não haver surpresas e encontrar o Sr. Idoso estendido no chão.

J* disse...

Eu conheci muita família perdida através do FB.

A minha avó nunca tocou num computador, não lhe posso ensinar a mexer no FB...mas dia sim dia não eu ligo-lhe ;)ou já não se usam telefones? :|

(sim, o dela é um telefone fixo, o que é isso de telemoveis? hein?)

Estudante disse...

João Pedro: x) talvez seja uma boa ideia!

J*: De vez em quando também vou encontrando colegas que já não via há anos! As avós agradecem sempre esses carinhos das netas ^^,