quarta-feira, 11 de julho de 2012

Pega Monstros

Durante umas revisões para um exame, descobri o que acontece quando temos no Governo "doutores instantâneos". Nas normas da Direcção Geral de Saúde pode ler-se:

"... tratamento e vigilância do doente hipertenso, aderência à terapêutica..."

Ora bem, o que será ser aderente a uma terapêutica? A primeira imagem que me vem à cabeça é a de um pega-monstros (aquelas coisinhas pegajosas que se atiravam contra a parede).
Não me consigo imaginar a pedir a um doente que seja aderente a um tratamento...

" Faça assim: o senhor corre todo besuntado de mel e atira-se contra o ben-u-ron..."



Pobre Língua Portuguesa...



Inté*

10 comentários:

...Ju... disse...

nunca tinha pensado na aderência nessa forma...

a imagem que eu criei não foi muito bonitinha não! :P

Sufocada disse...

O que vais buscar xD

JB. disse...

Nunca vi essa palavra dessa forma. Vejo-a sempre como o acto de aderir Mas não deixa de ser engraçado :P

Estudante disse...

...Ju...: :P ahaha!

Sufocada: x) ihihih

JB.: pois... o que eu acho que eles queriam escrever aqui era "adesão à terapêutica" e não "aderência"... são uns totós :P

Paula disse...

Já vi e ouvi outras vezes o disparate... A confusão entre adesão e aderência não devia, mas é muito vulgar!...

Pretty in Pink disse...

LOL deve ser primo do Relvas...

Beijinho*

Ju disse...

ai, ai que tristeza, mas não deixa de ter piada!!

Sue disse...

Ahaha boa analogia :P

Vera, a Loira disse...

Acho que vou aderir. LOL...

Estudante disse...

Pretty in Pink: ahaha x) é capaz!

Ju: :P

Sue: ;) ihihi

Vera, a Loira: ahaha :D