segunda-feira, 24 de outubro de 2011

De pequenina...

Não sei se acontece convosco, mas eu tenho muitas saudades de ser pequenina. Nem sei se são realmente saudades, talvez seja mais uma recordação agridoce dos meus primeiros tempos como pessoa. Se me dessem a oportunidade de viver tudo outra vez, não acredito que o fizesse. Bastam-me as recordações. São recordações azuis e, provavelmente se tivessem cheiro, cheirariam a pó de talco e a algodão-doce.



Inté*

10 comentários:

mão da mãe disse...

tenho tanta pena, de me lembrar de tão pouco!
parece que apaguei tudo até à data do nascimento da minha irmã (já tinha 6 anos). esse foi um momento muito marcante, e o resto foi-se!!!

ESpeCiaLmente GaSPaS disse...

De quando era pequena, como toda a gente tenho boas e más memórias... mas acho que se me dessem opção de voltar a viver esses tempos não aceitava! :) Já passou... agora quero mesmo é saber o que o futuro me reserva :)

Miss Worm disse...

Uiiii nem fales ! A frase que tanto se diz : "quem dera ter a tua idade e saber o que sei hoje" - nunca fez tanto sentido!!!
Crescer custa tannnnnto! :)
Sim ... no nosso tempo havia pó talco e ninguém morreu por causa disso... agora é super pomadas e super gotas e mais num sei o quê...

Mim disse...

Não tive aquilo a que hoje se chama uma infância normal, mas apesar de tudo, é com imensa saudade que recordo os verdes anos.
Vivi sem luxos nem brinquedos, mas tinha tudo...

Estudante disse...

mão da mãe: :) há certas coisas que a memória tende a apagar, não sei bem porquê...

Especialmente Gaspas: tudo tem o seu tempo, não é? :)

Miss Worm: mas se nascessemos a saber tudo o que sabemos em adultos, crescer não tinha tanta piada :P

Mim: hoje em dia acho que se confunde muito o ser feliz com o "ter tudo"... com brinquedos ou não, és uma pessoa como as outras ;)

Marta disse...

a quem o dizes! :)
beijinhos

Estudante disse...

Marta: ^^,

Mancebo Artista disse...

É que nem vás mais longe. Todos os dias quando vou de autocarro para a minha faculdade passo por uma escola primária e vejo os putos todos a jogar a bola extremamente felizes da vida e fico cheio de saudades de ser ingénuo e não ter preocupações na vida... :\

XL disse...

Serei o unico que nao troco a minha vida no inicio dos trinta pela de teenager?

Estudante disse...

Mancebo Artista: olha, eu acho que é melhor aproveitarmos agora... de certeza que daqui a uns tempos vamos querer trocar as preocupações pelas que temos actualmente :P

XL: hihih :P ainda bem que pensas assim!