quinta-feira, 6 de setembro de 2012

Momento Marcelo Rebelo de Sousa

Agora que as férias estão a chegar ao fim, queria deixar-vos aqui sugestões de livros e filmes que tive oportunidade de ler e ver nas férias e que acho que valem a pena.


O Sétimo Selo



Mais uma grande obra do autor José Rodrigues dos Santos que nos esclarece os problemas climáticos que o nosso planeta atravessa, incluindo a problemática do petróleo e a forma como somos ludibriados relativamente ao chamado ouro negro. Embora tenha gostado mais de A Filha do Capitão, acho interessante a forma como o jornalista consegue criar uma história de verdadeiro suspense para nos dar a conhecer um problema tão vasto e actual como a questão da sustentabilidade do planeta Terra.



Tuaregue




Sem dúvida, um dos melhores livros que já li. Obviamente, não vos posso contar o fim (grrr), mas só vos posso dizer que é um final realmente inteligente e que não poderia ser de outra maneira, caso contrário, o livro não faria sentido. É daquelas narrativas que nos leva a formular um culminar que temos por garantido mas que acaba por não acontecer.
Uma verdadeira surpresa!

 
 
Quanto aos filmes, aconselho estes:


Amigos Improváveis




Baseado numa história verdadeira. É um filme divertido e comovente. Gostei muito.



Shutter Island




Outro final completamente improvável. É suspense do ínicio ao fim. O fim é inesperado e ao mesmo tempo curioso porque não nos permite decifrar completamente a ideia do realizador.
 
 
Band of Brothers
 
 
 
 
 
É uma série de dez episódios acerca da Segunda Grande Guerra e devo dizer-vos que é a melhor série que já vi na minha vida. O enredo é sobre um grupo de soldados americanos durante a II Guerra Mundial e baseia-se em factos verídicos. No ínicio de cada episódio, são apresentados testemunhos reais de quem viveu esta guerra nos campos de batalha. Irrita-me não vos poder contar o final, porque me comoveu de verdade. É uma ideia muito perspicaz e sensata por parte do realizador a forma como ele termina o último episódio. Fiquei verdadeiramente surpreendida.
 
Também existe o livro e espero que me seja oferecido no Natal (indirecta para a Manhê).







Inté*

15 comentários:

Paula disse...

Belas sugestões!
E a indirecta para a manhê também, ahahah!

Pretty in Pink disse...

Disso tudo só vi o Shutter Island prái há dois anos e ainda estou para perceber se gostei =P

Beijinho*

Amante Japonesa disse...

Nunca vi nem li nenhum :S

Pedro P. disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Pedro P. disse...

Reparaste na cena do copo de água no Shutter Island? Não é para me gabar.. mas eu reparei! :P Se calhar nem sabes do que estou a falar, mas também não posso especificar ou estragaria o filme a quem ainda não o viu!

O Amigos Improváveis foi sem dúvida dos melhores filmes que vi recentemente!

Runaway* disse...

Obrigado, professora Marcela. lol

Inês de Sousa disse...

Dos livros ainda não li nenhum, estou agora com A Filha do Capitão. Os filmes são ambos fantásticos e interessantes.

Estudante disse...

Paula: :P

Pretty in Pink: se calhar tens de vê-lo outra vez x)

Amante Japonesa: não temos todos que ler os mesmos filmes nem ler os mesmos livros ;)

Pedro P.: confesso que tive que ver novamente a cena para me recordar x) encontrei uma explicação muito interessante para essa história do copo!...

Runaway: ahaha :P


Susi disse...

Muahahaha ainda não li nem vi nada disso :p mas ando curiosa com esses filmes!

Ju disse...

Quantos aos livros, o primeiro não vou gostar quase de certeza, não faz o meu género, o segundo não percebi qual a história :P quanto aos filmes já vi os dois e também gostei imenso principalmente os amigos improváveis! No que diz respeito à série parece realmente ser muito boa!

Estudante disse...

Inês de Sousa: que falha grave! Não vi o teu comentário x) e estás a gostar? Eu gostei muito :)

Susi: eu gostei :) não quer dizer que toda a gente goste, não é verdade? ;)

Ju: o segundo é uma história complicada e por isso não a resumi aqui. Mas é um Tuaregue muito fiel às suas tradições e que, de repente, se vê obrigado a percorrer o deserto para honrar o seu nome... é muito engraçado :)

Zé da Trouxa disse...

Não me digas que queres cultivar as pessoas? ahahahahah

Estudante disse...

Zé da Trouxa: ahah :P longe de mim... é a minha humilde opinião sobre os livros e filmes que li e vi :) cultivar, só se for couves!

Aninhas disse...

Gostei muito do Shutter Island. O fim é completamente surpreendente :O

Estudante disse...

Aninhas: é mesmo! Eu não estava nada à espera :)