segunda-feira, 26 de dezembro de 2011

Considerações (pós) natalícias

Bem, parece que o dia mais desejado do ano já se foi!... Tanto tempo à espera e agora, puf!, terminou num piscar de olhos.

Sexta-feira recebi finalmente o email da minha amiga secreta pela iniciativa "Missão Natal" da Mary Jane. A minha amiga natalícia era a Kikas, que me escreveu um textinho muito bonito e simpático e se deu ao trabalho de andar a tirar fotos do Presépio e da árvore de Natal lá de casa para fazer uma montagem. Ela disse que ficou horrível, mas é mentira. Obrigada Kikas! :)

Ainda na Sexta-feira, o Mim resolveu fazer um Retrato à la minute dos seus leitores mais assíduos, nos quais me incluo eu. Escreveu assim:

Estudante Amarelo - Serenidade. A Estudante lembra-me um dia de Primavera num campo florido, uma brisa fresca e as abelhinhas a pousar delicadamente nas flores... lembra-me um livro, uma aldeia alentejana, o leve rumor da água num regato...
Não me perguntes porquê, que não vou saber explicar. ahah

Foi das coisas mais bonitas que já li! Sinceramente, nunca pensei que me descrevessem assim. Eu, que ando sempre a correr de um lado para o outro, refilona e uma stressada "invertebrada", nunca pensei poder transmitir serenidade a ninguém. Mas parece-me muito bem!

Agora me voy que há uma corrida à minha espera.



Inté*

11 comentários:

L.O.L. disse...

Uma corrida para eliminar as calorias em excesso ingeridas no Natal???? lolololololol.

Ju disse...

Também gostei muito :) uma boa corrida **

Mim disse...

Pois... acredito que posso estar longe da realidade, mas fiz o retracto baseado no que leio e a tua escrita dá-me a ideia de uma pessoa muito calma, muito serena e muito organizada, sem stress, sem maldade... sem grandes "tempestades". Até as tuas histórias bem resumidas, nunca dão mostra de uma pessoa irritada com a vida. Eu sei que há pessoas assim, pessoas que por muitas dificuldades que a vida lhes apresente, conseguem resolver tudo na boa, sem se enervarem nem enervarem quem está à sua volta.
Espero não me enganar muito, porque isso é óptimo para a própria e para quem está à volta.
Nada pior do que um "tornado" à nossa volta e, confesso, muitas vezes é assim que me sinto. Um vendaval de emoções e de confusões, de turbulência, que até eu próprio me canso de mim. ahah
Bom, isto é um testamento...
Fico muito feliz que, de certo modo, tenha contribuído com algo de positivo nesta quadra tão dada a hipocrisias.
E agora vou aspirar o carro, antes que ela me bata ahahah.

Estudante disse...

L.O.L: ahaha :P podes crer! Tenho de me "desentoxicar" de tanto açúcar!

Ju: :) obrigada! Foi curta, mas soube bem!

Mim: a minha Manhê leu o teu texto e concordou contigo :) eu é que não me descreveria assim, entendes? :P Ora essa, às vezes também nos faz bem um tornado por perto para "acordarmos" um bocadinho ;)

Ritinha disse...

Eu também li no blog do Mim, e achei muito bonito o que ele escreveu sobre ti :)

Mary Jane disse...

Querida estudante,

em primeiro lugar ADORO ver que a minha "missão" surtiu alguns resultados. Em segundo lugar, OBRIGADA. Prometo que responderei de forma mais detalhada em privado, mas como eu sou dada a comentários melosos, especialmente nesta época, fica a saber que me aqueceste o coração!

Estudante disse...

Ritinha: :) eu também gostei!

Mary Jane: eu achei uma iniciativa engraçada :) Não tens nada que agradecer!

Miss Worm disse...

Acho delicioso quando somos descritos pelos " outsiders" quer, queiramos, quer não, conseguem sempre ver para lá do obvio, conseguem sempre usar a imaginação por cima da imagem que lhes passamos! O resultado pode (é) ser arriscado, mas como podes ver: não foi l teu caso !! Beijinhos !

Estudante disse...

Miss Worm: foi uma ideia engraçada do Mim :P

Deia disse...

Gostei tanto!!! :D e está muito bem escrito! :)

Kikas disse...

ohh, não tens nada que agradecer :) já te disse que o melhor desta Missão Natal 2011 foi ter ficado a conhecer o teu blogue!
e é verdade.. já passou :x