segunda-feira, 1 de junho de 2015

Dia 1 é dos pequeninos


Um adulto disse-me que hoje era o vosso dia, pedacinhos de futuro. Mas sabem, eu acho que ele quis dizer que o vosso dia é amanhã. O amanhã é vosso se nós soubermos como dar-vos o hoje.
 
Tenham paciência com os grandes, sim? Eles já estão muito habituados a portarem-se como pessoas crescidas e às vezes esquecem-se de certas coisas. E desculpem também todas as vezes em que eles tentam compensar a ausência lá por casa com brinquedos e doces e outras coisas. É que os grandes também se esquecem muitas vezes como é brincar... Querem ensinar-nos outra vez?
 
E já agora, há muito tempo que não tenho aquele abracinho ao redor do pescoço, que vos obriga a ficarem em biquinhos dos pés, mesmo que eu esteja ajoelhada à vossa frente. Dão-me esse abracinho um dia destes?
 
 
 
Inté*

7 comentários:

agatxigibaba disse...

Nisso sou uma sortuda, para além de ter sempre crianças na família, ainda tenho a minha afilhada que eleva a ternura ao expoente máximo: mal me vê, começa a gritar e a correr até se empoleirar em mim para me abraçar e, não raras as vezes, cairmos as duas :)

Paula disse...

Que ternurinha!...

Pink Stuff! disse...

Adorei o teu texto.
Aiii os abraçinhos das crianças!!! <3

Dj LionMaster disse...

Já não te visitava há algum tempo, vejo que mantens a essência.
beijinhos

Jovem $0nhador@ disse...

Oh que ternura de texto =)

Pretty in Pink disse...

Aww texto mais lindo :)

Beijinho*

Estudante disse...

agatxigibaba: tão bom :)

Paula: :)

Pink Stuff!: são tão bons :D

Dj LionMaster: voltaste! ;)

Jovem $0nhador@: :)

Pretty in Pink: ;)