segunda-feira, 8 de junho de 2015

Dualidades

E se pensarmos que o Homem tanto é capaz de fazer isto:



... como de criar isto:





Em que é que ficamos?


 


Inté*

3 comentários:

Til disse...

O ser humano é capaz de tudo mesmo,do bom e do mau...

o bo(l)bo da corte disse...

Não acredito que a maldade ou a bondade sejam "qualidades" ou defeitos inatos no ser humano. Nascemos com "o pacote genético" completo e é o meio que vai determinar (ou pelo menos contribuir em grande parte) para que determinadas características se sobreponham a outras.
Creio que até os criminosos capazes das maiores atrocidades, num determinado momento da vida estiveram a um passo de se tornarem boas pessoas.
Por vezes a vida empurra-nos para as profundezas, quando só precisávamos de uma mão que nos puxasse... :/

Estudante disse...

Til: é verdade.

o bo(l)bo da corte: sim, em parte o meio contribui. Claro que não é o único determinante, porque há pessoas de um mesmo meio que optam por percursos de vida completamente diferentes :) mas percebo o que queres dizer. Eu acho que até mesmo as "piores" pessoas podem fazer algo de bom... às vezes precisavam só dessa mão que tu referes ;)
O mais difícil, a meu ver, é não ser louco :P basta um laivo de raiva qualquer por apenas um segundo, para fazermos uma grande asneira...