quinta-feira, 31 de maio de 2012

Experiência

Não sei se já fizeram a experiência de dizer uma coisa absolutamente descabida e fora do contexto só para ver a expressão dos que vos ouviram. É delirante e às vezes quase reconfortante ver como as pessoas põem cara de "esta miúda não está boa daquela cabeça" quando na verdade o que foi dito teve um propósito e foi dito por alguém nas posses de toda a sua capacidade mental.

A verdade é que estamos habituados a ouvir sempre as mesmas coisas nas mesmas situações e acostumamo-nos ao previsível. Quando alguém tenta quebrar esta corrente passa sempre por doidinho, ainda que não o seja.



Inté*

9 comentários:

BANNED disse...

Já me aconteceu, porque eu gosto de deixar as pessoas na dúvida se quem não está a bater bem são elas ou eu ahah.

Susi disse...

Muahahaha as pessoas até são bastante transparentes! Basta dizeres algo que não esperem e é ver a expressão facial a mudar :D adoro linguagem não verbal :D

reborn disse...

Afinal andas em medicina, ou estás a treinar para maluca? eheheh

O Fio da Meada disse...

..pior ainda é convencer alguém de algo completamente descabido beneficiando da credibilidade de que gozamos. (claro que quando a verdade é reposta essa credibilidade cai por terra logo a seguir, e nunca mais voltamos a ser vistos da mesma maneira)

uma ocasião consegui convencer um fulano que existiam bolas de ténis que, através de um avançado e inovador sistema electrónico, recolhiam o pêlo antes de bater no chão, seriam portanto bolas muito mais duráveis e rápidas e por aí fora.. a coisa complicou-se quando, depois de completamente convencido, eu entusiasmei-me e disse-lhe que a seguir ia comprar uma raquete, também de ténis, com radar para nunca se falhar a bola, supostamente beneficiava-se com o sistema em especial nos serviços...

enfim, de vez em quando ainda se encontram uns crédulos por aí... mas é assim que se vai aprendendo e mantendo a boa disposição..

:DD

Estudante disse...

BANNED: ahaha :P

Susi: a linguagem não verbal acaba por ser mais sincera que a verbal ;)

reborn: ando a treinar para tratar os malucos :P

O Fio da Meada: ahaha x) há pessoas que acreditam em tudo!

Catarina Reis disse...

Pois... sair do normal e da rotina, é logo parecer um ser do outro mundo.

Zé da Trouxa disse...

Bom, para mim é uma experiência dizer algo que faça sentido. Quem me conhece sabe que só digo asneiras e quando digo algo sério faz-se silêncio na sala. ;)

Paula disse...

A minha primeira aula de filosofia foi assim... começou com a seguinte pergunta:
- Importa-se de me dizer se sabe pensar?
Todas as pessoas estão convencidas que sim, mas na verdade...

Estudante disse...

Catarina Reis: é verdade...

Zá da Trouxa: ahaha :P pois... se for crónico deixa de ter efeito!

Paula: :) interessante!