terça-feira, 6 de agosto de 2013

Abbraccio

A propósito desta imagem, lembrei-me daqueles abracinhos que os mais pequenitos nos dão. Lá vêm a correr, meio trôpegos, embriagados com os poucos anos de juventude, para depois nos caírem no colo, com os bracinhos apertados em volta do nosso pescoço, as mãozinhas pequenas a esforçarem-se por se manterem unidas e o corpo seguro nas pontinhas dos pés.

Pequenas cabeças inconscientes da inexistência de uma relação directa entre o carinho e o aperto, ali ficam num abraço pequenino de um amor sem medida.


Inté*

15 comentários:

Márcia V. disse...

Não há abraços melhores dos que os dos pequenos,no meu caso é o das minhas pequenas,e sempre que estou com elas faço questão de partilhar nem que seja apenas um abraço,porque são estes os mais sentidos e que ficam para sempre.

somaijum disse...

É o chamado chi-coração.

Estudante disse...

Márcia V.: :)

somaijum: cá em casa também lhe chamamos assim ;)

Biscoita disse...

O mais honesto dos abraços, sabe tão bem :)

Rekinh@ disse...

Abraços ingenuamente verdadeiros, são sem dúvida os melhores :)

vagueios-devaneios.blogspot.pt

Jovem $0nhador@ disse...

Adoro =)

Táquetinho disse...

É a idade da inocência. Depois crescem e em vez de abraços, apertam-nos os gasganetes. Eheheheh

Estudante disse...

Biscoita: :)

Rekinh@: é verdade! ;)

Jovem $0nhador@: ;)

Táquetinho: ahaha :P não apertam nada...

Diana Spencer disse...

Gostei bastante do textinho (:
r: sem dúvida que sim!

Never Told Words disse...

A minha sobrinha enchia-me desses xi-corações quando era mais novinha.. agora quer que eu a encha de prendas lolol

Opinante disse...

É um momento tão bonito :)

agatxigibaba disse...

Um abraço é sempre bom, mas não há muitos que batam a ternura dos abraços dos mais pequeninos. *

Estudante disse...

Diana Spencer: obrigada :)

Never Told Words: ahaha :P é assim a vida!

Opinante: :)

agatxigibaba: é verdade! :D

Paula disse...

Que ternurinha!... Eu recebi muitos abraços desses, até tenho a fotografia de um ;)

Estudante disse...

Paula: :D que bom!