quarta-feira, 8 de fevereiro de 2012

Sem título... só porque não estou inspirada!

Não sei se durante a vossa infância alguma vez se imaginaram adultos. Eu pensava nisso muitas vezes e, na verdade, quando pensava em mim na casa dos 20, nunca me imaginei assim, como sou agora. Imaginava-me outra pessoa completamente diferente, alguém que eu nunca poderia ser porque, simplesmente, eu não "sou assim"... acho que cometi o erro de pensar que o crescimento implica uma mudança radical de personalidade, de gostos e de ideias. De facto, tenho quase a certeza de que há traços nossos (quiçá a maioria) que nunca mudam.


Inté*

8 comentários:

guess disse...

Claro que há. A nossa personalidade depende do meio e dos genes. Se continuamos a ter as mesmas referências e os genes não se alteram, muito do que éramos em pequenos fica para sempre connosco. Como o nome, por exemplo. Cresceste mas continuas a chamar-te Rosa Maria e para mim serás sempre "a Rosinha dos Limões". ahah
Vou-te chatear tanto, que daqui a uma semana até metes aqui uma cópia do CU (Cartão Único). ahah

...Ju... disse...

eu realmente, não me imaginava minimamente como sou!

Deia disse...

há coisas que nunca poderiam ser de outra maneira, se nao nunca seriam nossas! :)

mão da mãe disse...

eu imaginava-me bem diferente, confesso!
beijinhos*

Ritinha disse...

Tens toda a razão, eu já tenho 24anos e ainda me sinto tão pouco adulta, mas gosto de ser como sou, mas imaginava uma realidade completamente diferente!

Paula disse...

Tás lixada com o "Guess"... Ahahaha!

Estudante disse...

guess: ahaha x) és um perigo!

...Ju...: já somos duas! :P

Deia: nem mais ;)

mão da mãe: se calhar é mais giro assim :)

Ritinha: :) dizem que de menino e louco todos temos um pouco!

Paula: ahaha :P estou, estou!

seconseguiram disse...

Eu quando era pequeno, queria ser motorista de autocarros x)

Acho que quando somos novos não temos medo de sonhar com qualquer coisa :)